Lenda da procissão da Quinta Carmita

Conta-se que a meia-noite, se vê uma procissão dirigir-se à “Quinta Carmita”, tendo à frente um padre Franciscano entoando uma cruz. Os romeiros carregam velas acessas, entoam cânticos religiosos e deixam para trás um barulho de corrente arrastando pelo chão. O ritual da procissão inicia-se primeiro na “Fonte Encantada”, onde os passantes param para beber água, e depois caminham em rumo ao cruzeiro ali erguido, para rezarem. A Fonte D`água tinha um formato de uma pequena gruta, onde ouvia-se o barulho das águas do rio ao escoarem por ela. A gruta tem uma guardiã conhecida como a “Mãe do rio Maguary”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *